Roteiro Local para as Alterações Climáticas
 
Eventos Paralelos

Em paralelo com a Conferência internacional “Roteiro Local para as Alterações Climáticas: Mobilizar, Planear e Agir”, decorrerão duas acções que convidam todos a saber mais sobre Alterações Climáticas e como cada um pode dar o seu contributo para resolver este problema global.

O Planetásio e a Cineclima integram também a programação da Semana Verde 2009 de Almada.

Para mais informações sobre estas acções:
Departamento de Estratégia e Gestão Ambiental Sustentável
Tel. 21 272 25 10
roteirolocalclimaticas@cma.m-almada.pt

PLANETÁSIO – o Ginásio do Clima

Planetásio

Este é o nome de uma das acções que a Câmara Municipal e a Agência Municipal de Energia de Almada estão a organizar, a visitar na Praça da Liberdade, em Almada, entre os próximos dias 28 e 31 de Maio.

Numa original tenda a representar o hemisfério Norte do Planeta, será possível participar em várias provas que combinam a vertente física de um ginásio com a exploração de diferentes temas que influenciam o clima global. O efeito de estufa, a mobilidade e os transportes, o consumo de energia nas nossas casas, o destino que damos aos resíduos, são alguns dos temas tratados.

Embora especialmente vocacionada para crianças, o Planetásio também pode acolher grupos familiares que queiram divertir-se e aprender nesta acção de sensibilização ambiental, que aborda um tema que constitui um dos maiores desafios da humanidade no séc. XXI.

Trata-se de um recurso de educação ambiental inovador e único, que Almada vai dar a conhecer pela primeira vez.

Planetásio (interior)

 

 

Horário de Funcionamento do Planetásio:

Dia 28, Quinta-feira
Abertura oficial – 12H30
12H30 às 19H00

Dia 29, Sexta-feira
9H30 às 19H00

Dias 30 e 31, Fim-de-semana
Das 11h00 às 20H00

 

 

CINECLIMA – Mostra de filmes sobre Alterações Climáticas

Como evento paralelo da Conferência internacional “Roteiro Local para as Alterações Climáticas: Mobilizar, Planear e Agir”, dirigido à comunidade, terá lugar no Auditório Lopes Graça, no Fórum Municipal Romeu Correia, na noite de dia 28 de Maio, uma mostra de filmes que versam o tema das Alterações Climáticas e do aquecimento global que afectam o Planeta.

Esta exibição, que principia pelas 21H30, engloba documentários, filmes de animação e spots publicitários sobre estas temáticas, procurando informar e sensibilizar para a importância do papel de cada um na resolução deste problema global.

Esperam-se algumas novidades mundiais, designadamente o recém estreado “The Age of Stupid” de Franny Armstrong que assim é exibido pela primeira vez em Portugal, bem como um documentário inédito sobre o trabalho que cientistas Portugueses realizam actualmente na Antártida estudando a espessura da camada de gelo polar “Permafrost! Ciência Polar a 62ºS “

 

 

PDF document Alinhamento da Sessão Completa (21h30 - 23h30)

 

 

apoios:


Iniciativa:
Cineclima – Mostra de filmes sobre Alterações Climáticas
Locais:
Auditório Lopes Graça, Fórum Municipal Romeu Correia, Almada
Horário:
21H30
Organização:
Câmara Municipal de Almada e Agência Municipal de Energia de Almada
Bilheteira:
3€
Grátis para participantes inscritos na Conferência.
Desconto de 50% para jovens estudantes e reformados

 

 

The Age of Stupid

Estreia em Portugal do ultimo filme de Franny Armstrong. Com o nomeado para Óscar Pete Postlethwaite, a história passa-se em 2055 onde um Homem circulando por um mundo destruído se questiona, olhando para trás e para registos cinematográficos de 2007 onde claramente se percebia a dimensão do problema, porque é que não se conteve as Alterações Climáticas quando era tempo?
Filmado na America, Reino Unido, India, Nigéria, Iraque, Jordânia e nos Alpes, este filme que mistura drama, documentário e animação promete agora em Portugal não passar indiferente sobre o maior problema que a nossa sociedade enfrenta.
Com um financiamento de 450.000 Libras angariadas de forma totalmente inovadora, este filme de 92’ minutos assume-se como totalmente independente.

 

 

Permafrost! Ciência Polar a 62ºS

Uma equipa de cientistas portugueses do Centro de Estudos Geográficos da Universidade de Lisboa vem estudando, desde 1999, o permafrost de uma das regiões menos conhecidas do Planeta, a Antártida Marítima.

Este pequeno documentário de 14 minutos, em estreia absoluta, ilustra as actividades em curso e explica a importância de melhor conhecermos o que se está a passar nesta componente da criosfera, mesmo em regiões tão longínquas, como a Antárctida ou o Árctico. Estudos recentes têm mostrado que o permafrost é um factor central no sistema climático, sendo determinante para o ciclo do carbono e para a produção de gases de efeito de estufa. Efectivamente, no Árctico, amplas extensões de permafrost têm um elevado teor em matéria orgânica, a qual, devido ao aquecimento global, deixará de estar congelada, e está já a começar a decompor-se. Este processo traduz-se na libertação de ainda mais dióxido de carbono e de metano para a atmosfera, o que contribui para acentuar o aquecimento global.